meu pé de roseira, o bálsamo da minha solidão, meu coração à flor do peito, embriagada no ardor da Poesia, vou-me revelando e cumprindo a minha missão de ser Poeta. TODOS OS POEMAS REGISTADOS NO I.G.A.C.

07
Jan 15

17857341_0DykG.jpeg

 

amar-te é meu segredo

amor é malha que teço

tua ausência me dá medo

e ao temer tanto padeço...

 

corre o tempo e faz-te meu

tu perdido, nunca chegas!

este amor por ti cresceu

e tu amor tanto te negas.

 

não querer-te assim,

eu queria,

é tanta a minha agonia

quanto mais te nego

mais te quero,

e no desespero

é  grande o meu apego

apregoo aos quatro cantos

que um dia?!

perco o fio à meada

e nem com reza aos santos

farás de mim tua amada

 

romã

natalia nuno

 

 

 

 

 

 

 

contador de visitas
publicado por natalia às 22:54

Janeiro 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
24

25
26
27
29
31


mais sobre mim
pesquisar
 
favoritos

o afastamento...

blogs SAPO